Aditamento FIES

Aditamento FIES

O Aditamento FIES, é um assunto muito comentado todo início de semestre, quando começa o período de matrículas das Faculdades. É um processo que parece ser complicado, e confunde muitos. Explicaremos abaixo, de forma simples e fácil de entender, tudo o que você precisa saber sobre o aditamento.

fies aditamento

O Que é Aditamento FIES?

O aditamento, muitas vezes chamado de renovação semestral, é um procedimento necessário para todos os alunos que recebem financiamento do FIES. O aditamento é feito com o intuito de renovar o contrato de financiamento, precisando ser feito no começo de todo semestre. É uma forma de garantir o recebimento do financiamento para o próximo semestre letivo.

Tipos de aditamento

O aditamento é separado em dois tipos: o aditamento simplificado e o aditamento não-simplificado. O aditamento simplificado é feito quando o seu contrato de financiamento não sofreu nenhuma alteração relevante. Ou seja, quando nenhuma informação relevante no seu cadastro foi alterada. Nesse caso, como o nome já diz, o procedimento é mais fácil e não requer tantos passos.02

Clique aqui e veja tudo sobre CAIXA FIES

No caso do aditamento não simplificado, como você já deve ter imaginado, é quando alguma informação precisa ser alterada. A seguir, você fica sabendo o passo-a-passo para cada uma das modalidades.

Aditamento FIES

Como Fazer o Aditamento do FIES?

O primeiro passo para fazer a renovação é entrar no SisFIES e preencher as informações solicitadas. Em seguida será preciso confirmar os dados do cadastro estão corretos e atualizados. Se houverem informações desatualizadas ou incorretas, será necessário entrar em contato com a CPSA da sua instituição de ensino e solicitar a correção desses erros.

O que é CPSA?

A CPSA é a Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento. É uma comissão existente em todas as instituições de ensino participantes do FIES. A CPSA é formada por cinco membros do corpo docente, discente e administrativo. A comissão é responsável pela validação dos dados informados pelos estudantes que recebem benefício do FIES no ato do cadastro e na renovação dos contratos.

Continuando com a explicação sobre o processo de aditamento: Quando todos os dados tiverem sido preenchidos e validados, você vai confirmar a solicitação do aditamento, e ficará sabendo se o seu caso é de aditamento simplificado ou não simplificado.

Aditamento Simplificado

No caso do Aditamento Simplificado o procedimento que você precisará fazer é… simples! Vá até a CPSA da sua faculdade ou universidade e solicite o DRM – Documento de Regularidade de Matrícula com a assinatura do Presidente ou Vice-Presidente da CPSA. Pronto! Seu processo estará finalizado.

Aditamento Não Simplificado

Se no resultado da sua renovação aparecer que o seu caso é de Aditamento Não Simplificado, você terá que fazer um procedimento extra. Compareça à CPSA da sua Faculdade ou Universidade e solicite o DRM – Documento de Regularidade de Matrícula assinado pelo Presidente ou Vice-Presidente da CPSA. Em seguida, você vai precisar ir até o banco ou instituição financeira informado pelo pessoal da CPSA, portando os documentos necessários (informe-se na CPSA) e acompanhado do fiador ou responsável, quando for o caso, para finalizar o seu processo de renovação.

Prazo Aditamento FIES

O período do Aditamento normalmente vai até 30 de abril para o primeiro semestre e em 31 de Outubro para o segundo semestre, mas esses prazos podem variar. Informe-se com a CPSA da sua Faculdade ou pelo portal do FIES.

O Aditamento é um procedimento semestral. Mesmo que a matrícula do seu curso seja anual. Apesar de parecer complicado, é de extrema importância. Caso não seja feito, você pode perder o benefício do FIES

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *